Tag Archives: alegria

Guardo só pra mim

26 jun

Vontade maldita de te beijar e sentir teu cheiro.

 

Eu tenho pensado em você nos últimos dias, dá pra acreditar? Tenho gostado cada vez mais do seu sorriso, do modo como você fala e até da cor dos seus olhos, que na verdade é uma cor bem comum. Não sinto minhas pernas tremerem ou meu coração disparar quando toco suas mãos, na verdade, sinto uma paz enorme. E eu procurei tanto essa paz em outros, mas aí vem você e me dá isso sem perceber. Você tem me feito um bem danado sem nem se esforçar pra isso. Pouco sei sobre você, além do que todo mundo sabe. Ainda nem conheço suas manias, quase nada sobre seus gostos, não enxerguei grandes defeitos, mas sei que uma hora eles aparecem. Mesmo assim te dedico um carinho enorme, sem esperar que você sinta o mesmo. Não posso simplesmente demonstrar. Você sabe, seria arriscado. Não posso te sobrecarregar com as minhas expectativas, não posso depositar em você as minhas vontades para nós dois. Quero que você permaneça por perto, que a gente dê risadas juntos, que a gente se telefone vez ou outra, que a gente se olhe e se entenda. Não quero que você vá embora igual a todos os outros. Você é especial demais para que eu deixe isso acontecer. Não quero te assustar, querido, por isso vou guardando tudo só pra mim. Aquilo que tem que ser, será. E que seja nós.

Divida seu sorriso

13 abr

Leia essa matéria e sinta-se a pessoa mais insignificante do mundo por muitas vezes encarar a vida de uma forma tão negativa.

Durante nove anos, o fotógrafo americano Bob Carey viajou pelo país fazendo autorretratos. Em todas as fotos, ele vestiu um tutu rosa, saia usada normalmente por bailarinas.

Carey teve a ideia depois de um trabalho fotográfico realizado para um grupo de balé dos Estados Unidos.

Contudo, o propósito das imagens mudou quando sua mulher, Linda, foi diagnosticada com câncer de mama.

‘O câncer nos ensinou que a vida é boa. Lidar com a doença é difícil e, às vezes, a melhor coisa que podemos fazer é encarar um dia após o outro, rir de nós mesmos e dividir nosso sorriso com os outros’, diz o fotógrafo no site do ‘Projeto Tutu’. (Fonte site G1)

Bom final de semana pra você que entra, dá uma olhadinha e sai sem falar nada no blog!!!!!

Pelo vale verdejante

12 abr

“Os homens que se emocionam com as paixões são capazes de ter mais doçura na vida”

René Descartes

 

É impressionante como criamos fantasias na nossa cabecinha só olhando para outra pessoa. Quer ver se ele for moreno, com olhos verdes e tiver uma covinha no rosto. Pronto! Esses atributos já bastam para transformá-lo no SEU príncipe por alguns minutos. Digo que esses minutos são os mais bem apreciados da vida, pois nele você voa e já imagina andando de mãos dadas, pedindo para ele ajudar a decidir entre uma torta e um pastel, como ele vai te pedir em casamento, qual será a escola que seus dois filhos vão estudar e de que maneira carinhosa você vai chamá-lo. E não venha me dizer que fazer isso é coisa de mulherzinha. Todo ser humano faz! Isso é uma mera “paixonite”.

E que por sinal, dessa eu gosto!

Ela não causa nenhum efeito colateral e ainda te tira da realidade por apenas alguns instantes. Surge em uma panificadora, na fila do banco, no trânsito e em qualquer lugar. É aquela pessoa que atrai você sem trocar uma palavra, não apenas pelo abdômen sarado, mas também pelo jeitinho como ela segura a chave do carro, passa a mão no cabelo ou sorri.

O melhor da “paixonite”, que além de passar rápido, é um segredo só seu, ela acontece só na sua mente e não envolve mais ninguém. Isso quer dizer que você pode senti-la para sempre simplesmente para arrancar um sorriso do seu rosto e fazer com que se sinta viva, mesmo estando casada há 30 anos.

Sem contar que tudo ocorre de uma forma tão natural, sem cobranças e neuroses. Você não espera nem um oi, muito menos que ela vá te ligar algum dia. E é melhor assim, pois você sabe que está pessoa só é perfeita na sua imaginação.

Mariana Woj

Música pra sair rodopiando pelas nuvens cor-de-rosa 🙂